domingo, 26 de julho de 2015

Crianças Anjos de Luz

Crianças Anjos de luz!
Esta semana a Heloísa deu fim na lata de leite, que depois de procurar por tudo achei debaixo do armário da cozinha,kkk
Bem resolvi ir no mercado buscar o leite e levei as duas, chegando lá coloquei a Heloísa na cadeirinha do carrinho do mercado, e a Helena ficou pendurada de pé no carrinho pelo lado de fora. Andei um pouquinho e a Helena já reclamou - Vó quero ir dentro do carrinho.
Eu disse: Mas você não pode entrar de sapato dentro do carrinho. Tirei o sapato e a coloquei dentro, não foi uma boa ideia mas, vó é vó.
Bem nessa hora da muvuca chega o gerente, e já se encantou pelas duas. Começou a falar com a Helô e ela fez biquinho de choro, mas a Helena deu o Show dela conversou e cantou em inglês a música do dia das mães, daí a Heloísa já se soltou e começou a rir.
Conversando com o Sr. Rodrigo me confidenciou de estarem muitos tristes, devido ao fato de uma funcionária de 28 anos ter falecido recentemente, de problemas cardíacos.
Conversamos um pouco, ele gostou tanto de se distrair com as crianças, que pediu para eu esperar e foi buscar um pacote de doce para cada uma.
Sai dali e fui fazer as compres, cada coisa que pegava colocava em cima da Helena, e dizia, você quis ir ai agora vou te cobrir, com as coisas e ela ria que se acabava. Dei uma embalagem de adoçante para a Heloísa e ela jogou no chão, eu disse -  Meniiiinaaaaa não faça isso, ela fez de novo, e de novo e de novo, a Helena quase pedia o fôlego de tanto rir. Eu só dava para fazer graça mesmo, onde passávamos as pessoas achavam engraçado e também davam risadas. Chegando nas frutas e verduras e Helô queria descer, disse: Ta danado, pega ai menina pega essa batata, a Helena gritou vó a Helô ta comendo batata crua, kkkkk e se partiu de rir, eu disse -  Menina você engoliu a maquina do riso, kkkk
Bem elas contagiaram a todos, onde passávamos todos acabavam dando risadas.
Chegamos em casa disse, agora vão fazer o lanche e vão dormir.
 E as duas fizeram seus lanchinhos e as coloquei na cama, deitei com elas e não demorou muito dormiram, também depois de tanta bagunça, só que a Helena quando estava bem sonolenta levantou a cabecinha e disse-me:
Vó você é linda!!!
Eu entendi o que ela quis falar, na verdade foi as palavras que encontrou para me dizer que estava, feliz e que tinha se divertido!
 - Depois de  dormiram eu fiquei pensando em tudo o que tinha acontecido, e cheguei a conclusão que naquele momento em que estavam tristes lá no mercado, a alegria contagiante e inexplicável delas por um tempo quebrou aquela tristeza.
Agradeço a Deus por viver esse momento tão lindo com minhas netas, e ofereço isso a todas as avós e avôs, que se deixam ser felizes  vivendo a simplicidade do dia a dia, ao lado das jóias mais preciosas do mundo, os netos (as)!

Foto e Texto: Maria Auxiliadora filha de Iracema

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores