quinta-feira, 5 de maio de 2016

Nair, Mãe de de Ouro

Nair era a irmã mais velha de Iracema, a primeira das quatro filhas de Abbadia e Aloysio, eu já falei aqui que de todas é a que eu penso ter herdado um pouco o temperamento do pai, na parte de ser mais quieta e reservada. Mas isso não quer dizer que ela não  era alegre, discreta mas animada, não perdia uma noite dos carnavais televisionados, fã número um de Nelson Gonçalves, adora música, e como todas, na cozinha era mestre, porém mais em salgados, trabalhou uma grande parte da vida com suas irmã Iracema e Luzia (Peca,) com costura, faltando alguns anos para aposentar que foi trabalhar em uma boutque ( Já Boutique), como modista, onde permaneceu até sua aposentadoria.
Foi mãe de dois filhos Moíses e Arão, dos quais exigiram dela, ser realmente uma Mãe de Ouro,
Moíses, era portador de necessidades especiais, fato que se fosse hoje com os recursos que temos, seria uma pessoa normal, pois era muito inteligente. Nair ficou viúva muito jovem, com os filhos um de colo e outro com poucos anos, isso a fez voltar para casa, onde encontrou ajuda de seus pais e irmãs para cria-lós.
Parece que a estou vendo, toda perfumada, e sempre pronta para ajudar a tudo e todos!
Saudades dessa Mãe de Ouro que a vida exigiu tanto e que ela, com um amor do tamanho do mundo, soube viver com grande sabedoria.
Fotos pertencentes a artigos de família.
Texto: Maria Auxiliadora




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores