terça-feira, 15 de novembro de 2016

UM FINAL DE SEMANA ATÍPICO!

Começou com um casal, e agora vem de bando todos os dias várias vezes ao dia.
Sábado levantei cedo como de costume, e com o guaju (barulho), dos periquitos pedindo comida fui alimentá-los. Quando de repente caiu um em minha frente, olhei e já observei que tinha alguma coisa estranha em um dos pés, a primeira impressão que tive, é que estava enroscado em um emaranhado de fios, por que tinha uma fio pendurado. quando me aproximei, ele voou, para o portão da casa, fui bem devagar atrás e ele voou de novo voltando, e ficou atrás de uma gruta de pedra, que ganhei do meu tio Luis, dessas de por uma Santa no jardim.
Fui lá e consegui pega-ló, não tinha nada enroscado no pé, mas o seu pé nem aparecia, tinha uma massa estranha que o cobria todo, parecia que estava cheio de verruga.
Passei creolina em cima daquela coisa, e o coloquei em uma gaiola. Dei água e tentei dar comida.
Conversei com o Dr. Ido e Dra. Paula, e perguntei onde podia levá-lo, ele me disse para o trazer  na segunda- feira, que iria dar uma olhada, e que eu lavasse o pé dele porque a creolina podia queimar, mas eu não tinha passado no pé, pois não aparecia o pé, passei só naquela coisa, mas assim mesmo lavei.
Resultado, passei o dia correndo entre o serviço e cuidar do bichinho.
Bem por hoje é só, assim que voltar contarei mais, não deixem de retornar, tem muitos acontecimentos.
Foto e texto: Maria Auxiladora

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores